• Colangiorressonância

    Colangiorressonância


    • É um método não-invasivo de exploração dos ductos biliares, colédoco e pâncreas. Pode ser utilizada na pesquisa de obstruções, cálculos, identificação de cistos e neoplasias, entre outras doenças pancreáticas menos comuns, mesmo em pacientes gastrectomizados.
      A grande vantagem da Colangio-RM é o de ser método não-invasivo, sem registro de complicações, não dependendo da injeção de contraste, sem radiação ionizante e pouco operador dependente.

    • O exame surge como ótima alternativa diagnóstica na avaliação das doenças biliopancreáticas.
      As doenças biliares e condições associadas à obstrução biliar são importantes causas de morbimortalidade. Entre as principais causas de obstrução biliar, citam-se a coledocolitíase e o carcinoma pancreático. Muitos métodos propedêuticos vêm sendo utilizados na tentativa de se estudar a árvore biliar e o pâncreas.
      Para o diagnóstico da litíase e da estenose biliar, a Colangio-RM tem condições de substituir a colangiopancreatografia invasiva. Por fim, nenhum teste diagnóstico deve ser analisado independentemente do quadro clínico. O raciocínio clínico adequadamente fundamentado continua a ser a coluna mestra de qualquer algoritmo diagnóstico.

    • O exame é uma técnica que consiste em posicionar o paciente no interior de um grande tubo aberto em ambas as extremidades, que emitirá sinais que serão captados e transformados em imagens por um computador. A duração do exame depende da área do corpo a ser avaliada, variando entre 20 a 40 minutos.
      O único desconforto será o de permanecer deitado imóvel no centro do tubo por um período de tempo, e o exame produz ruído desagradável; entretanto, será oferecido um protetor auricular para minimizar esse desconforto.
      O tecnólogo ou biomédico responsável pela realização do seu exame estará continuamente se comunicando com você durante o tempo de permanência na máquina. Ainda, será oferecida ao paciente uma campainha caso tenha necessidade de nos chamar ou comunicar algo.

    • Durante o preenchimento do questionário oferecido ao paciente antes da realização do exame, algumas contra-indicações deverão ser abordadas. As contra-indicações absolutas incluem, peso acima de 130 kg, utilização de marca-passo cardíaco; neuroestimuladores (cerebral e espinhal) - dependendo da marca; clipes para correção/ tratamento de aneurismas cerebrais ferromagnéticos (todos os que foram produzidos até 1995 são ferromagnéticos); fixadores ortopédicos metálicos externos que não podem ser removidos; aparelhos auditivos; prótese coclear metálica; implantes otológicos não removíveis (alguns implantes otológicos, como tubos de ventilação são feitos de titânio, podem ser utilizados a depender da marca e modelo. Isto também é válido para algumas próteses cocleares - consultar o setor RM.); prótese ortopédica interna (inclusive o Titânio) em Pacientes anestesiados ou com rebaixamento do nível de consciência.
      As contra-indicações relativas incluem: paciente gestante (evitar no primeiro trimestre); implantesort opédicos internos como próteses, pinos, parafusos e hastes (exceto fixadores externos) - não realizar antes de 8 semanas de colocação; clipes de aneurisma cerebral fracamente ferromagnético (após 1995 - checar data de colocação, modelo, etc e consultar o setor RM.); clipes cirúrgicos metálicos (podem realizar exame, exceto os de aneurisma cerebral); filtro de Veia Cava (checar modelo, se não for testado - e considerado seguro- não realizar antes de 8 semanas); molas de embolização (checar modelo, se não for testado - e considerado seguro- não realizar antes de 8 semanas); pacientes com válvula de derivação (DVP) ajustável - (contatar neurocirurgião para reajustar); pacientes devem realizar o exame sem Piercing.
      O paciente também é responsável e deve participar do processo de realização do exame, preenchendo corretamente o questionário oferecido e não omitindo informações que considerar relevantes. Por favor, informe-nos se tiver realizado qualquer cirurgia ou possua algum objeto metálico em seu corpo. Em algumas situações especiais, será necessária a autorização prévia e por escrito, sua e do seu médico.
      Durante o exame de RM é permitido DIU; válvulas de DVP (Derivação ventriculoperitoneal); stents vasculares (mesmo os coronarianos), traqueobrônquicos e biliares.
      Para pacientes com tatuagem ou maquiagem definitiva, solicitar proteção com uma compressa fria no local.
      ATENÇÃO: Para os demais materiais metálicos não descritos, entrar em contato com o setor para verificar a possibilidade de realizar o exame.

      • Trazer a solicitação médica, juntamente com seus documentos pessoais e exames anteriores (caso os tenha).
      • Os pacientes menores de menores de 18 anos deverão vir acompanhados de um responsável legal.
      • Não suspender nenhuma medicação que tenha sido previamente prescrita pelo seu médico.
      • Chegar com antecedência ao horário marcado (consultar a atendente sobre agendamento, disponibilidade de horário e tempo de espera).
      • Lactentes e crianças que forem realizar o exame de RM não necessitam de jejum prolongado. Para os outros pacientes, convém conferir o preparo adequado para cada caso.


    Comente →

Photostream