• Biópsia de Próstata

    Biópsia de Próstata


    • A biópsia prostática é um procedimento através do qual se obtêm fragmentos de tecido prostático para ser estudado por um patologista.

    • Ela é usada sobretudo quando há suspeita de câncer da próstata, levantada pelos exames clínicos e laboratoriais iniciais, como um toque retal que identifique tumoração ou irregularidades da próstata, uma dosagem aumentada de PSA ou uma ultrassonografia que detecte um nódulo suspeito.

    • É necessário um jejum de quatro a seis horas. O paciente deve estar de bexiga vazia. As medicações rotineiras não precisam ser suspensas, mas deve-se suspender por oito ou dez dias antes do exame os anticoagulantes ou medicações que interfiram com a coagulação sanguínea, como o ácido acetilsalicílico (AAS), por exemplo. O SEU MÉDICO DEVERÁ SER INFORMADO DA REALIZAÇÃO DO PROCEDIMENTO E DA NECESSIDADE DE SUSPENSÃO DE EVENTUAIS MEDICAMENTOS QUE POSSAM INTERFERIR COM OS FATORES DE COAGULAÇÃO.
      Antibióticos devem ser tomados profilaticamente, conforme orientação médica.
      O paciente deve ir ao exame acompanhado, porque em caso de receber uma sedação, pode ainda estar sob efeito da medicação quando terminar o procedimento e não deve dirigir veículos automotores ou operar máquinas e instrumentos que exijam atenção e coordenação motora.
      O exame é realizado sob anestesia local guiado por ultrassom via transretal, o que permite a realização de biópsia da próstata com grande precisão e segurança.

    • Os paciente que possuem alterações da crase sanguinea ou outras doenças hemotológicas devem informar ao seu médico solicitante e ao radiologista que irá realizar o procedimento.
      Os pacientes que fazem uso de antiocoagulantes (Aspirina, AAS, Buferin, Clexane, Plavix, Cumarim, Heparina e etc) devem suspendê-los com prévia autorização de seu(s) médicos(s), pelo menos sete (07) dias antes da realização do procedimento.
      Um Termo de Consentimento Informado será entregue aos pacientes com todas as informações acerca do procedimento, dos risco e benefícios da realização do mesmo.

      • Trazer a solicitação médica, juntamente com seus documentos pessoais e exames anteriores (caso os tenha).
      • Os pacientes idosos, impedidos judicialmente ou incapazes deverão vir acompanhados de um responsável legal.
      • Chegar com antecedência ao horário marcado (consultar a atendente sobre agendamento, disponibilidade de horário e tempo de espera).
      • Outros medicamentos de uso regular, que não sejam antiagregantes e anticoagulantes, não interferem no exame, e devem ser tomados conforme orientação do seu médico, inclusive no dia do exame, pois não alteram o Jejum, desde que tome com pouca água. Exemplos: medicamentos para pressão, para o coração, para a tireóide, controle do colesterol, etc.


    Comente →

Photostream